Atividade com alunos do Instituto Benjamin Constant no Parque Nacional da Tijuca

Atividade com alunos do Instituto Benjamin Constant no Parque Nacional da Tijuca

No Parque Nacional da Tijuca (PNT) há uma trilha adaptada para portadores de deficiência visual e física, chamada Caminho Dom Pedro Augusto. Essa trilha possui 630 m de extensão possuindo um cabo de autoguia e placas em braille, com as espécies de plantas, ao longo da trilha. Nesse domingo (21/10/2018), através de uma ação conjunta entre Centro Excursionista Brasileiro (CEB) e o Instituto Benjamin Constant (IBC), um grupo de alunos do IBC foi levado para conhecer a trilha adaptada. Em meio à mata Atlântica os alunos puderam conhecer diversas espécies de plantas, ouvir sons de pássaros, de riachos, e ao fim foi realizada uma experimentação sensorial com diversas espécies de plantas e na qual foram mostrados mapas em relevo com os biomas do Brasil, enfatizando a mata atlântica.

A atividade teve participação de uma professora, Mércia Souza, e seis alunos do IBC (Vivi, Marlene, Rosemar, Delphina, Janete e Jair), e foi conduzida por três integrantes do CEB (Andressa D’Agostini, Rafael Damiati, Joel Pinheiro), pelo biólogo Carlos Leandro Cordeiro, além da ajuda de dois monitores do PNT (Azevedo e Gilson). O passeio teve o apoio da Agência de Turismo S2 Rio (https://s2rio.com.br/) pelo seu projeto de turismo voluntário “Rio Mais Feliz”, e contou com a participação do representante da agência e do projeto, Thiago Cruz.

Foi uma experiência incrível, tanto para os alunos, quanto para os guias da atividade. Para uma das alunas, Marlene Gonçalves da Silva, a iniciativa “deve se estender para outros deficientes visuais, pois foi um grande marco fazer algo que a gente não acreditava que um dia poderia fazer”.

Verifique também

Assembleia Geral Ordinária e Festa dos Aniversariantes de julho – 28/07/2022

Nesta quinta, 28/07/2022, a partir de 19h, teremos a Assembleia Geral Ordinária (clique aqui para …